Pague Menos amplia transformação digital com novo marketplace

Pague Menos amplia transformação digital com novo marketplace

A diretoria da área digital das Farmácias Pague Menos atua como um autêntico laboratório de ideias, dando início a um novo ciclo de inovação. A mais recente aposta da rede é uma plataforma de marketplace em seus canais digitais.

O marketplace foi estruturado para comercializar itens das mais diversas categorias, desde suplementos alimentares, chás, equipamentos respiratórios a testes genéticos. “Vamos adicionar mais de 10 mil SKUs de outros e-commerces ao nosso portfólio”, ressalta Samir Mesquita, diretor de Digital da rede.

Mesquita encabeça uma equipe com mais de 20 colaboradores, dedicados a gerenciar 12 produtos digitais e outros 42 projetos estratégicos relacionados à TI e transformação. “Contamos ainda com o suporte do programa Fast Datinghub de inovação que busca identificar e captar serviços farmacêuticos disruptivos, com mais de 200 startups já credenciadas”, comenta.

Números em alta

Esse contínuo processo de transformação vai ao encontro dos números crescentes das vendas digitais na Pague Menos. O comércio online movimentou R$ 116,1 milhões nos primeiros três meses deste ano, um avanço de 14% em relação ao último trimestre e de 140% na comparação com janeiro a março de 2020.

Evolução das vendas digitais por trimestre (em milhões de R$)

Os canais online responderam por 6,1% da receita da companhia no primeiro trimestre. No ano passado, o percentual foi de 4,7%. A representatividade supera 10% nas regiões Sudeste e Sul, onde o e-commerce apresenta um estágio mais maduro. Em março, a Pague Menos recebeu o inédito selo RA1000 na plataforma do ReclameAqui, certificação que reconhece as empresas com melhor patamar de atendimento. O NPS, principal métrica que afere o nível de serviço no varejo, chegou a 73 pontos – seis a mais em relação ao período de janeiro a março de 2020.

 

“Constantemente realizamos upgrades em nossa plataforma omnichannel, assegurando a integração plena entre lojas físicas, siteapp, televendas, ferramentas de conteúdos e parceiros de last mile. Com isso, provemos ao cliente acesso a uma solução ampla de saúde e bem-estar, onde, como e quando ele quiser”, destaca.

Tecnologia com lockers e geolocalização

Clique & Retire, presente em 100% das lojas, consolidou-se como o mais representativo canal de vendas online da Pague Menos, com 33% do volume de vendas. Agora, a rede lançou novas funcionalidades que prometem enriquecer ainda mais a experiência de consumo

O portal da rede passou a contar com um mapa de busca por geolocalização, o que facilita a pesquisa da unidade mais próxima. O cliente também pode escolher o locker para retirada dos produtos, no prazo de até uma hora após o pagamento. Mais de 180 armários inteligentes automatizados já estão instalados em unidades de Brasília, Curitiba, Fortaleza, Rio de Janeiro e São Paulo. “A ideia é estender essa ferramenta a locais como centros comerciais, estações de metrô e shopping centers”, comenta Mesquita.

Outro benefício é a Entrega Garantida, por meio da qual a rede assegura um produto mesmo se ele não estiver disponível ao consumidor na loja física ou virtual. Nesse caso, a Pague Menos aciona seu time de gerenciamento de estoque, prepara o pedido e oferece a possibilidade de entrega no próprio ponto de venda ou onde o cliente estiver.

“Com esse conjunto de inovações, estamos quebrando a barreira do espaço físico. Nosso consumidor pode, por exemplo, aderir a uma assinatura de um cosmético e garantir sua compra com previsibilidade todo mês. E para a empresa, a gestão do inventário torna-se mais eficiente”, avalia.

Sobre as Farmácias Pague Menos
Fundação: 1981
Faturamento: R$ 7,3 bilhões
Market share: 5,7% – terceira colocada no ranking de faturamento da Abrafarma
Número de lojas: mais de 1,1 mil em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal
Número de colaboradores: 19.900

 

Fonte: Panorama Farmacêutico
Imagem: divulgação

Mantenedores do FGVcev