Amazon Prime chega a 200 milhões de assinantes no mundo

Amazon Prime chega a 200 milhões de assinantes no mundo

A Amazon anunciou na última quinta (15) que o Amazon Prime, seu plano de assinatura e benefícios, agora conta com mais de 200 milhões de usuários ao redor do globo. A informação faz parte da última carta de Jeff Bezos aos investidores enquanto CEO da companhia e acontece três meses depois da varejista divulgar que o serviço tinha chegado a 150 milhões de assinantes.

O marco acompanha um longo raciocínio de Bezos no documento para apontar a trajetória ascendente da companhia. Além do Prime, o CEO escreve que a Amazon agora emprega 1,3 milhões de pessoas e conta com mais de 1,9 milhão de empresas de pequeno e médio porte em sua plataforma, enquanto os produtos dotados da Alexa chegam a um montante de 100 milhões.

O executivo também comentou a recente derrota da sindicalização de uma das unidades de distribuição da companhia no Alabama, admitindo que a Amazon “precisa fazer um trabalho melhor com seus empregados” – um ponto no qual a companhia é bastante criticada nos últimos anos. “Enquanto os resultados foram assimétricos e nossa relação direta com os funcionários é forte, ficou claro para mim que nós precisamos de uma visão melhor para como criamos valor sobre os funcionários – uma visão para seu sucesso” continua na carta, onde declara que 94% dos trabalhadores da Amazon declararam recomendar o trabalho para amigos.

Em termos financeiros, é claro que a varejista vive seu melhor momento. Atualmente um dos homens mais ricos do planeta com 195 bilhões de dólares de rede financeira, Bezos escreve que a capitalização de mercado da empresa está na altura de US$ 1,6 trilhão e reconhece que “as ações da Amazon me tornaram num homem rico”.

Jeff Bezos deixa de ser CEO no fim do terceiro trimestre deste ano, sendo substituído no cargo pro Andy Jassy.

 

Crédito: B9
Imagem: divulgação

Mantenedores do FGVcev